Produtividade no Trabalho – Isso te incomoda?

15 de fevereiro de 2021
Autor: Carlos Basso - Categoria: Blog, Gestão Organizacional
Produtividade no trabalho

O tema produtividade vem sempre à tona quando se pretende obter mais resultados em relação aos recursos empregados que podem ser de diferentes naturezas. Como exemplo, podemos citar a tecnologia empregada, a infraestrutura, o processo, o recurso humano, o uso do tempo, o uso de informações entre outros. Produtividade no trabalho pode ser tratada do ponto de vista de determinado país, de uma empresa ou do trabalhador.

Quando relacionado à produtividade de um país, temos que considerar o resultado produzido num determinado período. É comum considerar o Produto Interno Bruto – PIB, gerado. Devemos também considerar os recursos que foram empregados para obter o referido resultado. Nesta relação, estamos preocupados em conhecer a produtividade do trabalhador. Então, devemos utilizar a mão de obra empregada na geração do produto interno bruto. Logo, o PIB (resultado obtido) dividido pelo número de mão de obra empregada teremos a produtividade do trabalhador naquele país.

Produto Interno Bruto – PIB
____________________________________
Quantidade de Trabalhadores empregados

O resultado indica quanto de riqueza é produzida por cada trabalhador daquele país. Esta análise pode ainda ser ampliada, se considerarmos a produtividade por hora trabalhada. Para isso, devemos dividir a produtividade obtida pelo número de horas trabalhadas. Isso é interessante quando se pretende comparar a produtividade entre países, uma vez que há países em que o trabalhador realiza mais ou menos horas de trabalho ao longo de um período (por exemplo um ano), tornando-se assim uma forma mais justa de comparação entre países.

Quando nossa análise se refere à produtividade de uma empresa, podemos considerar como resultado produzido, o faturamento bruto obtido num determinado período. Quanto aos recursos empregados, devemos considerar o número de trabalhadores da empresa. Logo, dividiremos o faturamento bruto pelo número de trabalhadores no período considerado.

Faturamento Bruto
________________________
Quantidade de Empregados

O resultado indica quanto de faturamento é gerado por trabalhador. Esta análise pode ainda ser utilizada quando se quer comparar a produtividade entre unidades de negócios da mesma empresa, ou ainda, comparar com uma série histórica da respectiva empresa.

Quando o trabalhador se compara ou é comparado com seus pares, por exemplo: “Fulano produz 120 unidades no mesmo tempo em que você produz apenas 90. Ele é mais produtivo que você”. O trabalhador quando vê ou percebe essa comparação, pode refletir sobre sua produtividade. Pode também questionar-se, como o colega é mais produtivo e, principalmente, o que ele pode fazer para ampliar sua produtividade. Infelizmente, nem todos os trabalhadores têm esse entendimento ou a consciência para refletir o que poderia fazer diferente para colher resultados melhores. Confira o que será abordado nesse post:

Desafio de aumentar a produtividade

Uma coisa é certa: apenas medir não muda o resultado, a menos que este resultado seja comunicado, que as expectativas quanto à produtividade esperada sejam claras a todos, desde o início e que ações de melhoria sejam implementadas.

Observo que é crescente a preocupação entre gestores de que sua equipe precisa ser mais produtiva e isso por vários motivos: orçamento apertado, equipe enxuta, prazos reduzidos etc. Esse tema tem gerado desconforto no meio corporativo e um dos fatores que interferem dramaticamente na produtividade é o uso do tempo.

Como todos sabemos o ano é de 365 dias, meses de 30 dias, dias de 24 horas, cada hora contém 60 minutos e cada minuto contém 60 segundos. Ninguém tem privilégios. O tempo é um recurso que não pode ser delegado e cada um tem sua responsabilidade.

Você pode deixar uma contribuição para as questões abaixo?

1 – Quais são no seu entender, os fatores que mais influenciam na produtividade do trabalhador?

2 – Quais são na sua opinião os maiores desperdiçadores de tempo no trabalho?

3 – Que mudanças o trabalhador precisa implementar para melhor uso do tempo e se tornar mais produtivo?

4 – Como os Gestores podem agir para aumentar a produtividade em suas organizações?

Comente suas percepções

Acreditamos que trazer esse tema para discussão trará uma grande contribuição num momento em que nossas empresas e nosso país querem se tornar mais competitivos.

Aguardo seus comentários.

A CR BASSO Educação atua há 25 anos no segmento de treinamentos e consultoria. Oferecemos um extenso portfolio de produtos (sao mais de 100 cursos) apresentados na modalidade in company e destes, 28 são apresentados na versão de programa aberto.
Desde a pandemia que nos obrigou ao distanciamento social, somos pioneiros na apresentação de cursos no formato ONLINE AO VIVO com um grande diferencial. Nossos cursos são apresentados ao vivo diretamente de Estúdios Profissionais de TV, o que proporciona uma experiência incrível de aprendizagem.

A CR BASSO Educação está há 14 anos eleita entre os 100 Melhores Fornecedores para RH de acordo com pesquisa nacional promovida pela Revista Gestão e RH. Em quatro dos últimos seis anos a CR BASSO Educaçao foi eleita a Melhor Empresa no Segmento de Consultoria e Treinamento do país, o que muito nos orgulha.

Conheça nossos produtos e todo nosso campo de atuação.
Estamos ansiosos por seu contato.

Se você gostou do artigo, compartilhe com seus amigos(as).
Nosso obrigado. Equipe CR BASSO


Autor: Carlos Basso - Categoria: Blog, Gestão Organizacional

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Solicite mais informações
*Fique tranquilo, você não está assumindo nenhum compromisso ao preencher o formulário.
Fale conosco por E-mail, Telefone ou WhatsApp
Segunda à Sexta 8:00 às 17:48
(11) 5591-3000
Atendimento via
WhatsApp CR BASSO
(11) 99984-2611
QR Code WhatsApp CR BASSO